Como compilar o Kernel no Linux CentOS

Este post demonstra como instalar as dependências, baixar as fontes, alterar uma configuração, compilar e instalar um novo Kernel Linux em uma instalação básica do CentOS 5 em modo Server.

A alteração que vamos fazer no Kernel, na prática não irá afetar praticamente nada nele, pois apenas insere no texto de release um valor personalizado. Entretanto é uma alteração simples e segura para ser usada num tutorial que dedica-se a mostrar como é realizada a compilação do Kernel.

Para saber mais sobre a instalação do CentOS utilizada neste, visite o post Instalar Linux CentOS pela rede (ISO netinstall) no Oracle VirtualBox.

[CONTINUAR LENDO]

Erro ao executar ‘/etc/init.d/vboxdrv setup’ no Oracle VirtualBox

Se o seu Fedora foi instalado a partir de uma imagem live, provavelmente você não tem os requisitos mínimos para compilar um módulo do Kernel. O problema é que para executar o Oracle VirtualBox é necessário ter o módulo VirtualBox DKMS na versão atual do Kernel instalado, ou seja, após uma instalação ou atualização do Kernel, sempre teremos que recompilar estes módulos.

Portanto se você acabou de instalar um novo sistema ou uma nova versão de Kernel e ao tentar executar uma máquina virtual no Oracle VirtualBox você é surpreendido com uma mensagem de erro similar a estas das imagens abaixo, você terá que rodar o /etc/init.d/vboxdrv setup para recompilar o módulo solicitado, mas para isto seu ambiente precisa atender aos requisitos.

Continue lendo “Erro ao executar ‘/etc/init.d/vboxdrv setup’ no Oracle VirtualBox”

Usando um pen drive USB como HD no Linux

Contrário ao que a maioria das pessoas pensam ao ler o título deste post, colocar um sistema Linux para rodar em um pen drive usb e usá-lo como o disco rígido principal, não é algo tão difícil.

Estamos falando de um sistema Linux instalado no pen drive e não um sistema Live Linux, pois este último, temos muitos sistemas prontos e disponíveis na rede.

Em resumo, para rodarmos um sistema Linux em um pen drive USB como HD, você deve instalar normalmente o sistema no pen drive, inclusive o Grub. Depois configurar no SETUP do computador para iniciar o Boot no pen drive USB, agora “Disco Rígido USB” e deverá funcionar.

Muito fácil né. Pena que a vida não é um mar de rosas. Prepare-se para os detalhes.

Continue lendo “Usando um pen drive USB como HD no Linux”

Instalar Oracle VirtualBox pelo YUM no Fedora

Mais uma vez digo: A melhor maneira de instalar e manter atualizado os programas no Fedora, sem dúvida é usando o YUM.

Portanto esta dica é para àqueles que desejam conforto na instalação e atualização do Oracle VirtualBox, digo conforto porque baixar o pacote RPM disponível no site não garante que teremos um ambiente que atenda todos as dependências necessárias para a instalação, mas como o YUM isto se resolve automaticamente, pois ele vai identificar as dependências e instalar tudo de uma só vez.

Assim para termos mais esta facilidade no YUM, devemos adicionar o repositório do Oracle VirtualBox, para tanto façamos o seguinte:

Continue lendo “Instalar Oracle VirtualBox pelo YUM no Fedora”